Visão Geral da Terapia

Fornecimento Confortável e Eficiente de Oxigênio

O Optiflow™ Junior fornece uma ponte revolucionária entre a Oxigenoterapia de Baixo Fluxo e a Terapia de CPAP. Além disso, pode reduzir a necessidade de CPAP e intubação em alguns quadros clínicos.

O Optiflow Junior fornece oxigênio de forma eficiente, através de um sistema de cânula nasal mais leve e menos volumoso.* A combinação de Umidade Ótima com cânula nasal oferece maior nível de suporte ventilatório do que a oxigenoterapia tradicional. Altos fluxos podem ser fornecidos de modo confortável e eficiente.

Tradicionalmente, oxigênio não umidificado tem sua administração limitada de 2 até 4 L/min devido a problemas de tolerância e trauma das vias aéreas superiores.

Administrar o fluxo de gás com Umidade Ótima, 37 °C / 44 mg/L, limita esses problemas, permitindo o fornecimento de uma ampla variedade de fluxos e concentrações de oxigênio.

 

Crianças submetidas à oxigenoterapia podem ser frequentemente mais ativas do que aquelas submetidas a níveis mais altos de suporte respiratório. Além disso, as crianças têm uma pele bastante delicada na região do nariz. Demonstrou-se que a Umidade Ótima em conjunto com o alto fluxo nasal é uma opção de tratamento confortável, eficaz e bem tolerada.


Leia mais no nosso folheto Visão Geral da Terapia.

Interfaces Infantis para Optiflow™

Cânula Nasal Optiflow™ Junior
Cânula Nasal Optiflow™ Junior
Linha de cânulas revolucionárias projetadas especificamente para se adequar às características anatômicas delicadas e aos fluxos requisitados pelos pacientes neonatais e pediátricos.
Cânula Nasal Infantil
Cânula Nasal Infantil
Projetada especificamente mais curta e com menor espaço não aquecido, permite fornecimento de alto fluxo de oxigênio.

Benefícios Do Alto Fluxo Nasal Com Umidade Ótima

Criança Médico
Mais confortável e tolerável do que outras terapias respiratórias. Pode reduzir a necessidade de CPAP
Oferece níveis de oxigênio mais precisos. Pode reduzir a necessidade de intubação.
Reduz o trabalho respiratório. Fácil de adaptar e manter.
Propicia maior interação com pais e médicos (cuidado de desenvolvimento assistido). Mais controle e flexibilidade com o fornecimento da fração inspirada de oxigênio (FiO2).
Maior probabilidade de receber fluxo de oxigênio contínuo. Mais fácil de segurar a criança no colo.
Menor risco de trauma das vias aéreas superiores. A sedação pode ser reduzida devido ao maior conforto da criança.
Alimentação facilitada. Pode reduzir o tempo de internação.

Clique aqui para ver principais referências clínicas.